Patrick Zanello

PatrickZanello

NOME: Patrick Almasy Zanello
IDADE: 34
CIDADE E ESTADO EM QUE VIVE: Washington DC, Maryland (EUA)
FORMAÇÃO: Biólogo (USP) / Cervejeiro (Siebel Chicago) / Doemens (Munique)
ATUAÇÃO NA CERVEJA: Mestre cervejeiro na Beltway Brewing Co. em Sterling, Virginia (EUA). Em 2014 também trabalhou na Schornstein.
BLOG/SITE: não possui
TWITTER: não possui
FACEBOOK: https://www.facebook.com/patrick.zanello
INSTAGRAM:  http://instagram.com/patrickzanello

***

1) Melhor Ale produzida no Brasil
Não votou.

1a) Melhor IPA produzida no Brasil
Schornstein IPA.

1b) Melhor Weissbier produzida no Brasil
Bodebrown Hopweiss.

2) Melhor Lager produzida no Brasil
DUM Jan Kubis.

3) Melhor Ale estrangeira à venda no Brasil
Birrificio del Ducato Verdi Imperial Stout.

4) Melhor Lager estrangeira à venda no Brasil
Harviestoun Schiehallion,

5) Qual estilo de cerveja você mais bebeu no ano?
IPA.

6) Qual cerveja tem a melhor relação custo x qualidade no mercado brasileiro? 
Founders All Day IPA.

7) Melhor chope (nacional ou estrangeiro) à venda no Brasil
Blanche de Maison, Witbier da Schornstein ainda apenas na versão chopp.

8) Melhor bar/brewpub cervejeiro nacional
Empório Alto dos Pinheiros.

8a) Em que local você tomou o chope mais bem tirado em 2014?
Mr. Beer Campinas.

9) Melhor cerveja caseira
Não tomei várias esse último ano, mas meu voto vai para uma Kölsch do Renato Rosseti da Cervejaria Schornstein.

10) Melhor cerveja que ainda não chegou ao Brasil
Russian River Pliny the Elder.

11) Melhor blog ou site cervejeiro
AllBeers.

12) Melhor design de rótulo de cerveja, nacional, importada ou caseira
Ciro Bicudo.

13) Qual sua combinação favorita de cerveja e comida?
Buffalo Chicken Wings e uma bela e amarga IPA.

14) Melhor evento cervejeiro nacional
Festival Brasileiro da Cerveja, em Blumenau (SC).

15) Qual foi a maior novidade cervejeira de 2014 (receita, cervejaria ou técnica)?
Gostei de ver alguns estilos diferentes, como uma Gose e uma Eisbock do (mestre-cervejeiro e sócio da Abadessa Herbert) Schumacher.

16) Melhor fato cervejeiro
Vou salientar o trabalho dos meus amigos José Felipe e Tiago da Wäls papando duas inéditas medalhas na maior competição internacional, a World Beer Cup, com suas Dubbel e Quadruppel.

17) Pior fato cervejeiro
A desunião do setor causada nesse fim de ano por aumento de tarifas e taxas. Entendo ambos os lados mas certas brigas internas não acrescentam em nada e só tendem a criar maiores dificuldades para o desenvolvimento do setor como um todo. Temos que nos unir, isso é fato.

18) Previsão cervejeira para 2015
Infelizmente prevejo que algumas cervejarias vão ter grandes dificuldades com o aumento de impostos e podem até ter suas portas fechadas. Mas acredito que, depois dessa tempestade e com esforço conjunto, o mercado tem tudo para continuar crescendo em 2015.

19) Para você, o que é cerveja artesanal?
Cerveja artesanal é a cerveja feita com o foco na qualidade, na busca por algo novo, criar tendências e novas utilizações de matéria prima de qualidade para agradar o paladar de diferentes consumidores.

20) Quem foi a pessoa que mais trabalhou pela cerveja brasileira em 2014?
Não acho justo citar apenas um nome ate por que não estive tão presente nas reuniões. Mas entendo que o pessoal que participou e organizou as reuniões para desenvolver nosso meio, na luta contra impostos, e lutou pelo coletivo tem meu voto aqui. Todos que tiveram a intenção de ajudar o mercado como um todo merecem ser lembrados.

21) Que experiência própria, profissional ou pessoal, você acha que poderia ser aplicada à cerveja artesanal?
Estou morando fora do Brasil e espero aprender alguns pormenores da cultura americana que podem ajudar o mercado brasileiro no futuro. Estou conhecendo as diferenças na parte de legislação da cerveja, registro de produtos, matérias primas que podem ser utilizadas etc. Por exemplo, cheguei a conhecer uma cervejaria que tem apenas um ano e mais de 100 receitas lançadas. algo impensável no nosso País.

22) É possível se sustentar trabalhando apenas com cerveja no Brasil?
É possível sim. No meu caso, como cervejeiro, ainda temos bastante dificuldade em sermos valorizados, mas isso vem mudando. A demanda por cervejeiros com formação e experiência vem crescendo junto com o número de novas cervejarias abrindo suas portas e percebendo a necessidade de ter alguém com conhecimento técnico para cuidar do dia a dia.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s