Alessandro Ricoldi

AlessandroRicoldi

NOME: Alessandro Victor Ricoldi
IDADE:43
CIDADE E ESTADO EM QUE VIVE: Porto Alegre (RS)
FORMAÇÃO: Advogado
ATUAÇÃO NA CERVEJA: Dono de bar (Apolinário)
BLOG/SITE: http://www.apolinariobar.com.br
TWITTER: http://twitter.com/a_ricoldi e  http://twitter.com/apolinariobar
FACEBOOK: https://www.facebook.com/alessandro.ricoldi  e  https://www.facebook.com/apolinariobar
INSTAGRAM: http://instagram.com/a_ricoldihttp://instagram.com/apolinariobar

***

1) Melhor Ale produzida no Brasil
Wäls Victorious Dubbel.

1a) Melhor IPA produzida no Brasil
Baldhead Kojak.

1b) Melhor Weissbier produzida no Brasil
Alenda Weissbier.

2) Melhor Lager produzida no Brasil
Abadessa Export.

3) Melhor Ale estrangeira à venda no Brasil
St. Bernardus ABT 12.

4) Melhor Lager estrangeira à venda no Brasil
Pilsner Urquell.

5) Qual estilo de cerveja você mais bebeu no ano?
Pilsner e IPA.

6) Qual cerveja tem a melhor relação custo x qualidade no mercado brasileiro?
Way Avelã Porter

7) Melhor chope (nacional ou estrangeiro) à venda no Brasil?
Maniba Black Metal IPA

8) Melhor bar/brewpub cervejeiro nacional?
Gosto do meu. Apolinário.

8a) Em que local você tomou o chope mais bem tirado em 2014?
Idem. Apolinário.

9) Melhor cerveja caseira?
As do Paulo Dalla Santa.

10) Melhor cerveja que ainda não chegou ao Brasil?
Este ano tive poucas experiências fora do país, mas tem uma cervejaria que me agrada muito. Lagunitas, a IPA é fantástica.

11) Melhor blog ou site cervejeiro
O Mestre Cervejeiro e Bebendo Bem.

12) Melhor design de rótulo de cerveja, nacional, importada ou caseira?
Irmãos Ferraro CaturrIPA.

13) Qual sua combinação favorita de cerveja e comida?
Existem várias ótimas, como cordeiro com Red Ale, mas este ano fizemos uma que superou as expectativas, o Mousse de Lapataia (Dulce de Leche) e Sorvete de Queijo harmonizado com Apolinário Schnee 84 (cerveja Lager escura, lembrando uma Bock e maturada em chips de carvalho).

14) Melhor evento cervejeiro nacional?
Festival Brasileiro da Cerveja, em Blumenau (SC).

15) Qual foi a maior novidade cervejeira de 2014 (receita, cervejaria ou técnica)?
Cervejaria: Diefen Bier. Fato: O crescimento dos cervejeiros ciganos, conforme menciono no item 16. Na busca por regularização, surgiu uma tendência, que é a fabricação de cervejas caseiras nas cervejarias regularizadas, possibilitando a comercialização.

16) Melhor fato cervejeiro
A busca das cervejarias pela regularização de suas fábricas e produções. A forma como o País é conduzido, e isto vem de longa data, induz a informalidade. A burocracia para a formalidade é absurda e impeditiva, mas é o caminho que deve ser trilhado, até para podermos cobrar as necessárias mudanças.

17) Pior fato cervejeiro
Os novos cervejeiros devem ser mais críticos ao produto que desenvolvem e ofertam, pois fazer a cerveja é mais difícil do que vendê-la, sendo necessário ter total conhecimento do processo e do produto que pretende ofertar. Há uma grande quantidade de amostras que chegam nos pontos de vendas sem a menor condição de comercialização.

18) Previsão cervejeira para 2015
O mercado cervejeiro segue em expansão, portanto, no geral deve repetir a performance de crescimento. No que concerne a oferta e pontos de venda, estes vêm sofrendo grandes mudanças, condizente com o crescimento que se observa na visão mais abrangente. Pontos tradicionais, que mantiveram contratos de exclusividade por anos, rendem-se a demanda dos clientes e começam a ofertar novas opções, o que, consequentemente, ensejará a adaptação dos reticentes.

19) Para você, o que é cerveja artesanal?
Primeiramente, a desvinculada do departamento de marketing, pois não cabe ao cervejeiro artesanal competir com as cervejas de larga escala. Depois, podemos considerar volume, adjuntos etc. Fica difícil mensurar, mas basicamente o propósito é de trazer produtos diferenciados.

20) Quem foi a pessoa que mais trabalhou pela cerveja brasileira em 2014?
Jorge Glitzer, da Abracerva.

21) Que experiência própria, profissional ou pessoal, você acha que poderia ser aplicada à cerveja artesanal?
Acho que a questão abordada no item 17 deve ser levada a sério. Além disto, a busca por novos estilos e propostas menos comuns, mas acredito que isto já é a busca constante do cervejeiro artesanal, não necessitando ser mencionada.

22) É possível se sustentar trabalhando apenas com cerveja no Brasil?
Sim, como tudo no Brasil, é difícil, pois vivemos em constante insegurança, mas é um mercado em crescimento.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s