Jaqueline de Oliveira Silva

JaquelineOliveira

NOME: Jaqueline de Oliveira Silva
IDADE: 49
CIDADE E ESTADO EM QUE VIVE: Belo Horizonte (MG)
FORMAÇÃO: Gestão estratégica da informação/gestora de mídias sociais
ATUAÇÃO NA CERVEJA: Sócia e coordenadora administrativa da Academia Sommelier de Cerveja
BLOG/SITE: não informou
TWITTER: http://twitter.com/jaquebhz
FACEBOOK: https://www.facebook.com/jaquebhz
INSTAGRAM: http://instagram.com/jaquebhz

***

1) Melhor Ale produzida no Brasil
Morada Cia Etílica Hop Arabica.

1a) Melhor IPA produzida no Brasil
Seasons Holy Cow / Tupiniquim Polimango

1b) Melhor Weissbier produzida no Brasil
Do Monge Weiss.

2) Melhor Lager produzida no Brasil
Morada Double Vienna Brut.

3) Melhor Ale estrangeira à venda no Brasil
Speakeasy Double Daddy.

4) Melhor Lager estrangeira à venda no Brasil
BrewDog Fake Lager.

5) Qual estilo de cerveja você mais bebeu no ano?
IPA.

6) Qual cerveja tem a melhor relação custo x qualidade no mercado brasileiro?
Grimor 14.

7) Melhor chope (nacional ou estrangeiro) à venda no Brasil
Küd Kashmir.

8) Melhor bar/brewpub cervejeiro nacional
Empório Alto dos Pinheiros (SP).
CCCP (BH)
Botto Bar (RJ)

8a) Em que local você tomou o chope mais bem tirado em 2014?
Villa Adriana (BH).

9) Melhor cerveja caseira
Mangifera American IPA, do Renato Buaiz.

10) Melhor cerveja que ainda não chegou ao Brasil
Dogfish Head 90 Minute Imperial IPA.

11) Melhor blog ou site cervejeiro
A Perua da Cerveja, do Gil Lebre Abbade Franco, O Cru e o Maltado do Alexandre Marcussi, All Beers do Raphael Rodrigues.

12) Melhor design de rótulo de cerveja, nacional, importada ou caseira
Gosto dos rótulos da 2Cabeças e Morada Etílica.

13) Qual sua combinação favorita de cerveja e comida?
IPA + fígado com jiló/costelinha, de preferência no Mercado Central de BH. Sem gourmetização.

14) Melhor evento cervejeiro nacional
Festival Brasileiro da Cerveja, em Blumenau (SC).
Festa da Confece; há 8 anos que a festa marca presença no cenário nacional.

15) Qual foi a maior novidade cervejeira de 2014 (receita, cervejaria ou técnica)?
As cervejas leves e refrescantes, de baixo teor alcoólico, mas com lupulagem marcante, como as Session Beers que invadiram nosso mercado e têm feito um trabalho muito importante de abrir as portas do universo cervejeiro para as pessoas que ainda são consumidoras de cervejas comerciais, mas querem se aventurar pelos sabores e qualidades das cervejas especiais.

16) Melhor fato cervejeiro
As conquistas das nossas cervejarias em grandes concursos no exterior, especialmente a conquista da Wäls.

17) Pior fato cervejeiro
Não vejo nenhum pior fato. Vejo divergências e posicionamentos que são necessários para que o movimento tome forma.

18) Previsão cervejeira para 2015
Uma expansão ainda maior do mercado, com o surgimento de novas cervejarias e de novos rótulos e aumento da profissionalização com a busca constante por cursos e por aprendizado.

19) Para você, o que é cerveja artesanal?
Cerveja feita com a intenção de se obter o melhor de sabores e aromas, mantendo a atenção nos processos e na escolha dos ingredientes.

20) Quem foi a pessoa que mais trabalhou pela cerveja brasileira em 2014?
Não acho que exista uma pessoa:  diversas ações  foram feitas para a nossa cerveja. Desde a preocupação em divulgar quais deputados votaram a favor da nossa cerveja,  os prêmios das cervejarias no exterior dando visibilidade ao mundo do mercado brasileiro, a imprensa que deu ênfase ao setor com matérias (algumas boas, outras pecando na qualidade) e, por fim, a associação que nasceu tímida, mas pode ser a arma forte para ampliar as ações no mercado.

21) Que experiência própria, profissional ou pessoal, você acha que poderia ser aplicada à cerveja artesanal?
Administrando o curso da Academia Sommelier de Cerveja, percebo que formamos mais que sommeliers de cerveja,  formamos consumidores interessados que vão divulgando e difundindo o mercado. O sentimento que tenho é de que não é o diploma e o título que contam, mas sim o conhecimento. É disto que precisamos: pessoas que apreciem a  cerveja artesanal, queiram consumi-las e sejam multiplicadores.

22) É possível se sustentar trabalhando apenas com cerveja no Brasil?
É muito difícil, mas trabalhando-se com sinceridade, honestidade e muita dedicação, a gente chega lá. O mercado é muito exigente e só sobreviverá nele aqueles que realmente têm algo a mais para oferecer.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s