Confece

Confece

NOME: Confraria Feminina de Cerveja (Confece); Jaqueline Oliveira, Ludmilla Fonttainha, Ingrid Paulsen, Graziela Sarreiro, Luisane Vieira, Lígia de Matos, Lícia Vieira, Juliana Pimenta, Clarissa Mendes e Watylla Vargas
CIDADE E ESTADO EM QUE VIVEM: Belo Horizonte (MG)
ATUAÇÃO NA CERVEJA: Primeira confraria feminina de cerveja do Brasil
BLOG/SITE: http://www.confece.blogspot.com
TWITTER: http://twitter.com/Confece
FACEBOOK: https://www.facebook.com/Confece
I
NSTAGRAM: não informaram

***

1) Melhor Ale produzida no Brasil
Morada Cia. Etílica Hop Arabica.

1a) Melhor IPA produzida no Brasil
Tupiniquim Extra Fancy IPA.

1b) Melhor Weissbier produzida no Brasil
Bodebrown Hop Weiss.

2) Melhor Lager produzida no Brasil
Morada Double Vienna Brut.

3) Melhor Ale estrangeira à venda no Brasil
Ballast Point Sculpin IPA.

4) Melhor Lager estrangeira à venda no Brasil
BrewDog Fake Lager.

5) Qual estilo de cerveja você mais bebeu no ano?
IPA.

6) Qual cerveja tem a melhor relação custo x qualidade no mercado brasileiro?
Ouropretana (todas).

7) Melhor chope (nacional ou estrangeiro) à venda no Brasil
Bodebrown Cacau IPA.

8) Melhor bar/brewpub cervejeiro nacional
Se pudermos responder por cidade: Empório Alto dos Pinheiros (SP), CCCP (BH) e Botto Bar (RJ)

8a) Em que local você tomou o chope mais bem tirado em 2014?
Elegemos dois: Stadt Jever (BH) e Botto Bar (RJ)

9) Melhor cerveja caseira
Entre incontáveis opções de amigos e conhecidos, podemos destacar as cervejas produzidas pelo cervejeiro caseiro Fábio Borba

10) Melhor cerveja que ainda não chegou ao Brasil
A Ithaca Flower Power IPA.

11) Melhor blog ou site cervejeiro
Esta é particularmente uma pergunta difícil, pelos inúmeros veículos e pelo fato de a imprensa em geral ter aberto canais cada vez mais frequentes para falar sobre as cervejas especiais. Mas podemos citar, por exemplo, O Cru e o Maltado, do Alexandre Marcussi.

12) Melhor design de rótulo de cerveja, nacional, importada ou caseira
Gostamos muito dos rótulos da Vinil.

13) Qual sua combinação favorita de cerveja e comida?
Wäls Petroleum + petit gateau.

14) Melhor evento cervejeiro nacional
A Festa de Aniversário da Confece (rsrsrs). Vamos comemorar 8 anos em 2015 e estão todos convidados! Mas o Festival Brasileiro da Cerveja, em Blumenau (SC), e o Mondial de la Bière também merecem ser destacados.

15) Qual foi a maior novidade cervejeira de 2014 (receita, cervejaria ou técnica)?
Podemos falar sobre o surgimento de diversas novas receitas, em especial as Session Beers, que são mais leves e refrescantes, possuem baixo teor de álcool, mas com um toque de lúpulo mais marcante.

16) Melhor fato cervejeiro
A conquista de uma medalha de ouro na World Beer Cup por uma cervejaria brasileira foi uma das maiores e melhores novidade de 2014. Palmas para a Wäls. E destacamos ainda o lançamento de uma linha diferenciada de cervejas da Ambev (Witbier, IPA e Blond Ale). Isso deixa claro o quanto as cervejas artesanais estão incomodando o grande gigante dominador do mercado. Eis que perceberam que o paladar do consumidor está cada vez mais apurado e que existe uma crescente demanda por produtos de qualidade.

17) Pior fato cervejeiro
Aumento de impostos.

18) Previsão cervejeira para 2015
Visualizamos uma expansão ainda maior do mercado, com o surgimento de novas cervejarias, de novos rótulos e, quem sabe, um aumento da profissionalização e busca constante por cursos e por aprendizado.

19) Para você, o que é cerveja artesanal?
Cerveja bem feita, com insumos de qualidade e seguindo também um padrão de qualidade. Cerveja feita por apaixonados, em menor escala, e sem uso de artifícios para aumento da produtividade e da rentabilidade.

20) Quem foi a pessoa que mais trabalhou pela cerveja brasileira em 2014?
Família Wäls.

21) Que experiência própria, profissional ou pessoal, você acha que poderia ser aplicada à cerveja artesanal?
A união. O setor é extremamente desunido e acaba atrapalhando o crescimento de todos. Gostaríamos muito também que as cervejarias artesanais trabalhassem na modalidade de clubes, como nos Estados Unidos, nos quais os associados tivessem alguns direitos especiais, como horários exclusivos nos tasting rooms e participação em brassagens coletivas.  E que houvesse mais gente oferecendo growlers para levar sua cerveja favorita para casa. Esta prática ainda está tímida.

22) É possível se sustentar trabalhando apenas com cerveja no Brasil?
É extremamente difícil, mas há casos de sucesso de pessoas vivendo e prosperando no mercado cervejeiro. Há uma mudança de pensamento e os investimentos na área estão começando a ser feitos. Este mercado é muito exigente e sobreviverão aqueles que realmente têm algo a mais para oferecer. O tempo dirá.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s